Geral | Segunda-Feira, 08 de Novembro de 2021 às 15:33h(48 visualizações)

CEO da Siemens Energy diz que Creluz atua na vanguarda da sustentabilidade



Na última semana, três engenheiros do Grupo Creluz visitaram a sede da Siemens Energy na cidade de Jundiaí, Estado de São Paulo, para a convite da própria empresa, conferir de perto a fabricação em série do transformador Carepole®, testado com pioneirismo pela Creluz a nível mundial.

Durante a visita dos engenheiros da Creluz, o CEO da Siemens Energy, responsável pelas ações da empresa a nível mundial e que atualmente reside na Alemanha, onde está estabelecida a sede da multinacional, Eduardo Terzi, concedeu uma entrevista via telefone ao repórter Gabriel Bodanese da Rádio Universal FM de Rodeio Bonito, destacando que este novo transformador é um produto inovador de porte ecológico e vem para contribuir para a descarbonização do planeta.

Terzi também explicou o motivo pelo qual a Creluz foi escolhida para ser a primeira empresa no mundo a testar esta nova tecnologia: “A Creluz em nossa percepção tem um foco muito forte em ESG”, sigla em inglês de environmental, social and governance, que em português significa ambiental social e governança. Eduardo destaca ainda que a Cooperativa tem uma determinação muito forte para se tornar uma empresa totalmente verde.

“A Creluz foi a primeira empresa que veio em nossa cabeça para testar o Carepole®, desenvolvido a partir de um protótipo, porquê a Creluz está alinhada estrategicamente com os objetivos deste novo produto, que vem de encontro com a necessidade mundial de redução de emissão de dióxido de carbono”, salienta Terzi.

O CEO da Siemens Energy vai além e destaca que sem a colaboração da Creluz a empresa não estaria já na etapa de produção em série deste novo transformador, por isso o convite para que a engenharia da Cooperativa presenciasse esse momento histórico. “Sustentabilidade é uma necessidade mundial e a Creluz já está agindo neste sentindo, está na vanguarda”, resume Eduardo Terzi.

O presidente do Grupo Creluz, Elemar Battisti, destaca que a Siemens Energy conhece muito bem a atuação da Cooperativa na geração e distribuição de energia com compromisso ambiental e social, tanto que esta já é a segunda tecnologia desenvolvida pela multinacional alemã e testada com pioneirismo pela Creluz, a primeira foi a chave fusesaver, testada e aprovada em 2015. Battisti adianta ainda que a meta da Creluz para 2022 é contar com 56 transformadores ecológicos Carepole® em suas redes, número alusivo ao aniversário de fundação da Cooperativa.

 

Fonte: Edevaldo Stacke/Ascom Creluz

Imagens


Compartilhar

Voltar ao topo